ICL Notícias

Atacado por bolsonaristas após elogio a Lula, Valdemar Costa Neto se diz leal a Bolsonaro

Declarações de Costa Neto foram feitas em entrevista ao jornalista Darwin Valente e noticiadas no ICL Notícias no dia 5 de janeiro
13 de janeiro de 2024

Valdemar Costa Neto, presidente nacional do Partido Liberal (PL) — sigla a que o ex-presidente Jair Bolsonaro é filiado —, respondeu aos ataques que recebeu de bolsonaristas após fazer elogios ao presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). As declarações de Costa Neto foram feitas em entrevista ao jornalista Darwin Valente e noticiadas no ICL Notícias no dia 5 de janeiro.

“Não tem comparação. O Lula é um camarada do povo… É completamente diferente do Bolsonaro. E é um fenômeno, também, ter chegado onde chegou. Foi bem no governo, também… E elegeu a Dilma, depois. Agora, completamente diferente o Lula. Não tem comparação com o Bolsonaro”, afirmou o político, na entrevista.

O vídeo voltou a circular nas redes sociais nos últimos dias e a reação irada dos partidários do ex-presidente levou o presidente do PL a se posicionar.

“Estão me atacando usando uma fala minha sobre o Lula que está fora de contexto. A esses, deixo um recado: quem não tem lealdade e fidelidade, tem vida curta na política. Sou leal ao Bolsonaro e fiel aos meus princípios. Quem me conhece sabe que minha palavra não faz curva”, escreveu ele, na plataforma X.

Na conversa com Darwin Valente, Costa Neto lembrou da trajetória de Lula e, também, do prestígio e popularidade do petista.

“Primeiro, que o Lula tem muito prestígio. O Lula tem prestígio, popularidade. Ele é conhecido por todos os brasileiros. O Bolsonaro, não. Ele tem um mandato só. Quando Lula foi eleito presidente, ele foi eleito na quarta tentativa dele pra Presidência da República, sendo que ele também já tinha tido uma tentativa pra governo do estado, também. O Bolsonaro, não.”

Seguindo na análise de Bolsonaro, Costa Neto disse que o ex-presidente é uma pessoa de “difícil trato”.

“Ele (Bolsonaro) é um camarada diferente da gente. Não é igual a nenhuma das pessoas aqui. Ele é diferente. O Bolsonaro é um camarada que não é normal. E aí o camarada acha que ele é um cara de prestígio, que bomba em todo lugar que ele vai, e acha que ele tem que ser normal em outras coisas. Ele não é. Tem que ter paciência.”

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail