ICL Notícias

O governo federal adiou as provas do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU). O Enem dos Concursos seria aplicado no próximo domingo (5) em todo Brasil. Ainda não foi definida uma nova data.

A decisão ocorre em razão das fortes chuvas que atingiram o estado do Rio Grande do Sul, deixando cidades alagadas, casas destruídas e pelo menos 37 mortos — 74 pessoas estão desaparecidas.

Governo volta atrás

Nesta quinta-feira (2), o Ministério da Gestão havia informado que as provas seriam mantidas, inclusive no Rio Grande do Sul. Mas a pasta voltou atrás e decidiu não prejudicar os candidatos que fariam as provas em cidades gaúchas.

“O compromisso do governo [é] que ninguém seja prejudicado. Ninguém pode deixar de participar do concurso porque está numa cidade em situação de emergência ou está numa cidade em que o bloqueio impede acesso à cidade onde vai ter a prova”, disse o ministro da Secretaria de Comunicação, Paulo Pimenta.

No Rio Grande do Sul, pouco mais de 80 mil candidatos fariam as provas em 10 cidades, incluindo Santa Maria e Santa Cruz do Sul, que estão entre os municípios mais afetados.

O CPNU é o concurso com o maior número de candidatos já realizado no país. Em todo o Brasil, serão 3.665 locais de aplicação e 75.730 salas.

Ao todo, 2,144 milhões de candidatos inscritos no Concurso Público Nacional Unificado disputarão 6.640 vagas em cargos públicos oferecidas por 21 órgãos públicos federais.

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail