ICL Notícias

Jornalista sugere que argentinos comam uma só vez por dia: ‘Não é vergonha’; veja

Serenellini, é visto como alguém de ideias alinhadas com as do ex-presidente Mauricio Macri
17 de dezembro de 2023

Em partcipação feita ontem em programa do canal La Nacion+, o jornalista Eduardo Serenellini deu uma inusitada sugestão por conta da crise econômica que atravessa a Argentina, agravada pelas primeiras medidas do novo presidente, Javier Milei. Disse que seus compatriotas dveriam fazer apenas uma refeição por dia. Além disso, afirmou que é preciso escolher se vai ser cortada a comida ou a assinatura de uma plataforma de vídeo, como se os dois itens fossem de ordem semelhantes.

“Tem que fazer uma refeição por dia, tem que se ajustar, não tem outra opção”, disse Serenellini, que é visto como alguém de ideias alinhadas com as do ex-presidente Mauricio Macri. ““É preciso aceitar e não ter vergonha”.

Antes, ele tinha dito que as pessoas terão que escolher entre cortar do orçamento a plataforma de filmes, o automóvel ou as refeições. “Não tem café da manhã, ou não tem almoço. Uma comida por dia. Ou seja, em diferentes níveis, todos estamos cortando”, afirmou.

Viviana Valles, a jornalista que é interlocutora de Serenellini, sugere que se faça uma “comida forte” e depois, durante o dia, “vamos vendo”.

Veja o vídeo, que viralizou nas redes sociais argentinas:

 

 

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail