ICL Notícias

Anatel alerta que criminosos têm usado nome da reguladora para novo golpe

Prática visa a troca de operadora, mas agência adverte que não contata clientes por telefone
15 de dezembro de 2023

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) enviou comunicado alertando que golpistas têm usado o nome da reguladora em ligações para induzir clientes a trocarem de operadora de telefonia.

Segundo a Anatel, as fraudes envolvem o nome de várias operadoras, tanto como beneficiadas quanto como prejudicadas. A agência afirmou ainda que “as empresas Algar, Claro, Oi, TIM e Vivo prestarão esclarecimentos”, que ajudarão a definir os próximos passos.

“Em nenhuma hipótese, a Anatel associa-se a empresas do setor ou entra em contato com consumidores para recomendar ou determinar a troca de prestadores de serviços. A Agência está apurando as informações recebidas para que possa tomar providências concretas e assertivas. As fraudes relatadas envolvem o nome de diversas empresas do setor, tanto como eventual ‘prejudicada’, como ‘beneficiada’ pela ação”, informou a reguladora.

A Agência destaca ainda que ações proativas e colaborativas contra práticas fraudulentas no setor de telecomunicações, incluindo o uso indevido de dados, têm sido tomadas. A reguladora orienta os consumidores a ficarem atentos, desconfiarem de situações específicas e utilizar canais oficiais para relatar problemas.

“A Anatel tem atuado de forma proativa, colaborativa e, quando necessário, punitiva junto às prestadoras para que as práticas comerciais e de abordagem de clientes sejam pautadas pela ética, transparência e respeitem a vontade do consumidor.”

PREVINA-SE 

No site da Anatel, a operadora também alerta para possíveis fraudes, destacando situações em que não faz contato, como cobranças indevidas, solicitação de valores, atualização de cadastro, cadastro de empresas, serviços de proteção, venda de planos, descontos, prêmios, envio de links suspeitos, ameaças de cancelamento e ofertas de reparo.

Para evitar problemas, os usuários são orientados a desconfiar de interações suspeitas, não responder mensagens duvidosas, não fornecer informações pessoais, desconfiar de perfis em redes sociais e utilizar canais oficiais para relatar demandas.

RECLAMAÇÕES

Em caso de dúvida, a recomendação é ligar para a Central de Atendimento da Anatel no número 1331.

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail