ICL Notícias

Novo técnico da Seleção, Dorival Jr se despede do São Paulo

Agora, o time será comandado interinamente por seu filho e auxiliar, Lucas Silvestre, enquanto a equipe busca um novo treinador
8 de janeiro de 2024

Após um período de indefinições no comando da CBF e a recusa do treinador italiano Carlo Ancelotti, Dorival Júnior será o novo técnico da Seleção brasileira. Dorival assume o cargo após vitoriosa passagem pelo São Paulo, clube do qual se despediu no final do último domingo (07), na reapresentação do elenco para a temporada de 2024.

Depois do aceite de Dorival à CBF, o treinador discute os últimos detalhes para ser anunciado oficialmente no comando da seleção. O contrato do técnico deve ser válido até o final da Copa do Mundo de 2026. A informação é do site Uol.

No São Paulo, Dorival Jr se sagrou campeão da Copa do Brasil de 2023, título inédito na história do clube paulista. Ao todo, o técnico comandou o Tricolor em 53 jogos; 24 vitórias, 13 empates e 16 derrotas, em um aproveitamento de 53,46%.

Agora, o time será comandado interinamente por seu filho e auxiliar, Lucas Silvestre, enquanto a equipe busca um novo treinador. O São Paulo já tem compromisso marcado para o próximo dia 20 de janeiro, diante do Santo André, no Morumbi, às 20h, na estreia do Campeonato Paulista.

No último domingo (07), na reapresentação do elenco, os jogadores do São Paulo se despediram de Dorival. Nas redes sociais do Tricolor , Dorival afirmou se tratar de um “sonho pessoal” assumir o comando da seleção brasileira.

“É a realização de um sonho pessoal, que só foi possível porque tive o reconhecimento do trabalho desenvolvido no São Paulo. Por isso, tenho de agradecer por ter feito parte desse importante período de reconstrução, liderado com competência pela presidência e pela diretoria. Com o investimento na infraestrutura e o planejamento dos últimos anos, o Clube está preparado para receber os mais qualificados profissionais do mercado. Agradeço também à torcida por todo o carinho e apoio”, manifestou Dorival Júnior.

O convite para Dorival assumir a seleção partiu do presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues. Ednaldo, que estava afastado do cargo, reassumiu o comando da entidade após liminar do ministro do STF Gilmar Mendes.

Em uma de suas primeiras decisões no retorno à presidência, Ednaldo demitiu o técnico Fernando Diniz, que estava provisoriamente no comando da seleção e fez proposta à Dorival Júnior.

Títulos de Dorival Jr como treinador:

  • Copa do Brasil (2023), pelo São Paulo
  • Copa do Brasil e Libertadores (2022), pelo Flamengo
  • Série B (2010), pelo Vasco
  • Campeonato Paranaense (2020), pelo Athletico-PR
  • Recopa Sul-Americana (2011) e Campeonato Gaúcho (2012), pelo Internacional
  • Campeonato Paulista (2010 e 2016) e Copa do Brasil (2010), pelo Santos
  • Campeonato Paranaense (2008), pelo Coritiba
  • Campeonato Pernambucano (2006), pelo Sport
  • Campeonato Catarinense (2004), pelo Figueirense

Com informações do Uol

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail