ICL Notícias

Temperatura varia 80 ºC nos Estados Unidos na mesma hora

Espetacular diferença de temperatura e sensação ocorre neste sábado entre o norte dos Estados Unidos e a região de Miami
14 de janeiro de 2024

(Mapa mostra a sensação térmica, em Fahrenheit, registrada às sete da manhã deste sábado, hora local, nos Estados Unidos, com frio extraordinário no Norte e temperatura agradável na região de Miami | MESONET)

 

Imagine pegar um avião em Miami e poucas horas depois pousar na Dakota do Norte. Os Estados Unidos registraram na manhã de hoje um absurdo e impressionante contraste térmico entre o Sul e o Norte do país. A diferença de sensação térmica registrada a partir dos dados de estações meteorológicas era de 80°C entre o Norte congelado e o agradável Sudeste do país.

A temperatura no Dickinson–Theodore Roosevelt Regional Airport, em Dickinson, no estado norte-americano da Dakota do Norte, mais ao Norte do país, era de 36 °C abaixo de zero no começo da manhã de hoje. O vento, entretanto, trazia sensação térmica extraordinariamente baixa de 56 °C negativos.

Na mesma hora, a sensação térmica era de 24 °C no sul da Flórida, com ar mais quente ainda cobrindo o estado do sul dos Estados Unidos antes da chegada da grande massa de ar gelado vinda do Ártico. Mas o tempo agradável não vai durar muito no estado da Flórida.

A imensa massa de ar extremamente frio que avança pela América do Norte, com mínimas de 40 °C abaixo de zero nos Estados Unidos e de 50 °C negativos no Canadá, vai atingir o estado.

Em Miami, ao meio-dia (hora local) a temperatura estava perto de 30 °C neste sábado. A temperatura na cidade deve declinar neste começo de semana, mas não muito. O frio mais intenso se concentrará do centro para o norte do estado norte-americano da Flórida.

Por MetSul

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail