ICL Notícias

Toffoli suspende multa bilonária da J&F, que tem esposa do ministro como advogada

A advogada Roberta Rangel é casada com Dias Toffoli e advoga para a empresa
20 de dezembro de 2023

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu a multa de R$ 10,3 bilhões do acordo de leniência do grupo J&F, revelou a revista Piauí. A esposa do ministro, Roberta Rangel, advoga para a empresa. A decisão foi oficializada na manhã desta quarta-feira (20), mas a íntegra do texto ainda será divulgada.

Além da “suspensão de todas as obrigações pecuniárias decorrentes (multa) do acordo de leniência entabulado entre J&F e MPF”, até que a J&F possa analisar o material da operação Spoofing, Toffoli concedeu mais duas decisões favoráveis à empresa.

Agora, a J&F também passa a ter acesso à íntegra das mensagens da Spoofing, que trata do vazamento de conversas entre integrantes da Operação Lava Jato.

Toffoli autoriza, ainda, que a J&F reavalie os anexos do acordo de leniência firmado com o Ministério Público Federal, perante a Controladoria-Geral da União (CGU). Um outro pedido, com objetivo de anular a venda da Eldorado Celulose, fabricante de papel, para o grupo indonésio Paper Excellence, foi negado.

Em outra oportunidade, em setembro, Toffoli se declarou impedido de julgar um caso relativo à disputa pela Eldorado. A justificativa, à época, foi o trabalho de Roberta Rangel, esposa do ministro, para o grupo J&F.

Com informações da revista Piauí

Deixe um comentário

Mais Lidas

Assine nossa newsletter
Receba nossos informativos diretamente em seu e-mail